Imagem Destaque

Webinário “Setor Moveleiro” trouxe debate sobre a preparação da empresa para o futuro

14/10/2020

“O futuro começa agora” foi o tema do webinar apresentado na última terça-feira (06) pela Plataforma Setor Moveleiro com o palestrante e CEO da Marketscape, empresa de inteligência de mercado, Marco Kumura. Segundo ele, as transformações no mercado já vinham acontecendo de forma rápida e foram apenas aceleradas na pandemia. “O mais importante agora é saber ler as transformações na forma de entender o mercado, de consumir, de vender e de se relacionar com a carteira de clientes. Estamos vendo uma transformação muito importante no varejo brasileiro, especialmente no varejo de móveis, e é preciso adaptar a empresa para esta nova modelagem, o que exige repensar a gestão do negócio, o que vai vender, para quem vai vender e como passará a ser a sua atuação no mercado”, afirmou.

Para Kumura, os empresários do segmento precisam adaptar a empresa em três frentes: o que faz, como faz e para quem faz. “Desenvolver senso de urgência, olhar para o digital, se adaptar ao agora. Por isso digo que o maior desafio é o desafio da gestão. Do produzir ao sortimento, da forma de se relacionar com o comprador de móveis à forma de atuar com mais tecnologia para facilitar compra pelo consumidor em mais canais de vendas”, destacou.

Sobre o futuro, a visão é positiva, mas segundo Kumura é preciso ter entendimento sobre os muitos caminhos a serem percorridos para que o país alcance status de mercado desenvolvido no segmento. “O brasileiro tem uma relação de consumo com os móveis ainda em crescimento. Nos países desenvolvidos há uma troca de móveis mais constante e a relação com o mobiliário passa mais pela adequação aos espaços e pelo design. Na pandemia ficou evidente que ficar dentro de casa tem que ser prazeroso e o móvel tem uma parte importante nisso. Quando pensamos que a relação do brasileiro com o móvel irá evoluir como evoluiu nos países desenvolvidos, onde o valor do ticket médio também é influenciado pelo conforto e usabilidade, vemos um futuro promissor, aliado à construção da relação do consumidor com as marcas do segmento moveleiro”, concluiu.

Para assistir na íntegra acesse o link https://youtu.be/LLFZRNKzcVE

voltar